Como funciona o software de telegestão na iluminação pública?

Tecnologia agiliza atendimento e reduz falhas na iluminação pública, além de abrir caminho para outros serviços inteligentes. Conteúdo publicado originalmente em IP MINAS

Como funciona o software de telegestão na iluminação pública?
Foto reprodução

O software de telegestão é uma tecnologia que possibilita a implantação da Internet das Coisas (IoT) na iluminação pública. Assim, ele permite o controle de parques de iluminação de forma remota e em tempo real.

E só isso! É a porta de entrada para otimizar serviços e infraestrutura pública e conectá-los com as pessoas. Agora, acompanhe neste post como funciona essa inovação.

Mas antes, você deve estar se perguntando: quais os benefícios dessa automatização para a iluminação pública da cidade? São muitos. Entre os principais estão: garantir maior eficiência energética, bem como economia aos cofres públicos. Outra vantagem importante é diminuir drasticamente o índice de falhas, como lâmpadas queimadas, o que proporciona maior conforto e segurança aos moradores.

Leia também:

Entenda o software de telegestão

A telegestão é um sistema desenvolvido a partir de uma rede de comunicação sem fio, chamada mesh. Essa rede em malha permite criar um sistema wi-fi capaz de conectar diversos dispositivos para se comunicarem entre si. Logo, formam uma rede única. Assim, quando falamos de iluminação pública, cada poste com luminária representa um desses módulos.

Antes de mais nada, controlar a iluminação pública de forma remota exige um software de telegestão. Além disso, é preciso uma série de hardwares. Vejamos como funciona. Em primeiro lugar, dispositivos eletrônicos são acoplados às luminárias onde são armazenadas as informações. Dessa forma, esses módulos se comunicam por rede sem fio a um Centro de Controle Operacional (CCO).

Esta é uma curadoria de conteúdo da RX Brasil sobre telegestão na iluminação pública. Para continuar lendo, acesse IP MINAS.

Facebook Comments Box